Os nazistas realmente desenvolveram um disco voador?
loading...

Os nazistas realmente desenvolveram um disco voador?

Nazistas. OVNIs. Coloque essas duas palavras juntas e você tem uma grande teoria da conspiração. Mas, supostamente, é mais do que apenas uma teoria, porque, de acordo com um jornal britânico, ‘há’ fortes evidências “de que um programa de OVNIs nazistas estava bem avançado.”

O filme Iron Sky destaca a premissa de que os nazistas criaram discos voadores. Mas segundo a revista alemã PM, como relatado no The Telegraph, é mais um fato do que uma ficção – há evidências em uma entrevista dada por uma testemunha ocular do protótipo, bem como sob a forma de avistamentos de OVNIs durante a Segunda Guerra Mundial:

A reportagem da PM cita testemunhas oculares que acreditam ter visto um disco voador marcado com a Cruz de Ferro dos militares alemães, voando baixo sobre o Tâmisa em 1944. Na época, o New York Times escreveu sobre um ‘disco voador misterioso’, com fotos do dispositivo visto viajando a velocidades extremamente altas sobre os arranha-céus… Testemunhas oculares, capturadas pelos Aliados após a Segunda Guerra Mundial, afirmaram ter visto o disco produzido em Praga voando em várias ocasiões, no início de 1945.

Como os cientistas sabem, “evidências” não são “provas”. Os supostos OVNIs eram comuns o suficiente para serem dados o apelido de ‘foo fighter‘ (também conhecido pelo termo politicamente incorreto ‘kraut fireballs‘). Os cientificamente conscientes também sabem que essas aparições podem ser explicadas por raios globulares, descarga de avião, vertigem de aviação e o foguete V-2.

 
E quanto aos relatos das testemunhas oculares, os nazistas estavam provavelmente desenvolvendo uma nova fonte de propulsão. Como sabemos, a partir do foguete V-2 de longo alcance, os nazistas pensavam no futuro, quando se tratava de tecnologia. Mas não é provável que eles tenham conseguido.

Como podemos dizer isso?

Se você considerar que tanto os americanos quanto russos levaram muitos ex-cientistas nazistas (particularmente os participantes do projeto V-2) para ajudar a alimentar a corrida espacial, se um projeto de OVNI fosse bem-sucedido de alguma forma, os russos ou americanos teriam agarrado qualquer fragmento de engenharia que pudessem.

O engenheiro alemão Rudolph Schriever alegou que ele e sua equipe haviam desenvolvido um mecanismo semelhante ao descrito pela revista PM– mas seus planos foram roubados. Apesar do potencial para a fortuna e glória que receberia por criar uma tecnologia que alterasse o mundo, ele nunca conseguiu recriar a máquina voadora. Embora os OVNIs nazistas constituam uma excelente manchete e forragem para algumas fascinantes histórias de realidade alternativa, há uma maneira pela qual podemos realmente saber que os nazistas não desenvolveram um poderoso sistema de propulsão que ainda hoje não existe: Olhe para cima e não verá nem uma única aeronave envolta em suástica no céu.

(Fonte)

Por um lado, o artigo faz sentido ao afirmar que se os cientistas nazistas tivessem desenvolvido uma nave com tecnologia exótica, o céu hoje estaria repleto delas, pois os estadunidenses e russos levaram todos os principais cientistas alemães com eles para cada um desses países.

Porém, (e sempre há um porém), quem pode afirmar que aquele projeto nazista era tão secreto que somente um ou dois cientistas tinham a fórmula, e foram mortos pelos próprios nazistas no final da guerra, para que a tecnologia não fosse revelada aos outros países?  Também há a possibilidade de que somente um dos lados (EUA ou Rússia) colocou suas mãos na tecnologia e até hoje a mantém como grande segredo de estado, não revelando-a ao público em geral.

Mas é claro, tudo isso são só especulações e a verdade, quem a sabe, ou não está contando para ninguém, ou já morreu.

Você também deve apreciar: