Papa João XXIII falou durante 20 minutos com um alienígena afirma Vaticano
loading...

Papa João XXIII falou durante 20 minutos com um alienígena afirma Vaticano

Uma das narrações mais espetaculares já divulgadas pelo Vaticano é o episódio relatado pelo assistente do Papa João XXIII (1881-1963) que, em declarações a imprensa em 2005 disse que o evento mais estranho relacionado ao Sumo Pontíficie foi um encontro ocorrido entre sua santidade e um homem de outro planeta, um extraterrestre.

Segundo o Secretário Papal Loris Capolvilla (um dos mais velhos bispos católicos em 2012), o Papa João XXIII teria tido um encontro cordial com um alienígena nos jardins da pontifícia residência de verão, em Castelo Gandolfo.

O incidente aconteceu em Julho de 1961 quando João XXIII, também chamado “o papa bom”, passeava em companhia de Capolvilla. Depois de caminhar ali por alguns minutos, ambos observaram no céu um estranho objeto oval que emanava uma luz brilhante de coloração azul e âmbar. A nave manteve-se no ar por alguns momentos antes de pousar no relvado.

Então, um ser com forma humana cercado por uma aura e com orelhas alongadas saiu da espaçonave. O Papa e seu secretário ajoelharam-se – mesmo sem saber exatamente o que estavam vendo, e começaram a rezar acreditando que se tratava de um fenômeno ou de um milagre celestial.

Passados alguns instantes o Papa decidiu aproximar-se da criatura e começou a conversar com o estranho. Esta conversa durou cerca de 20 minutos. Depois da confabulação, o Papa voltou a se reunir com o secretário e passou-lhe a seguinte mensagem:

“Os filhos de Deus estão por toda a parte, embora, às vezes, tenhamos dificuldades em reconhecer nosso próprio irmão.”

Passado o episódio, decidiu que não falaria mais sobre o assunto, sendo que jamais João XXIII revelou, nem mesmo aos seus mais fiéis colaboradores, o inusitado acontecimento.

Você também deve apreciar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *