Pesquisa indica que minhocas podem se reproduzir no solo de Marte
loading...

Pesquisa indica que minhocas podem se reproduzir no solo de Marte

Muita gente acha nojento, mas aqueles pequenos vermes gosmentos que chamamos de minhocas são fundamentais para boa parte da vida na Terra. Não à toa, Charles Darwin passou 39 anos de sua vida estudando esses animais rastejantes.

Sem as minhocas, a agricultura nunca teria prosperado às margens dos rios Nilo e Eufrates, as sociedades egípcias e mesopotâmicas nunca teriam surgido, e o mundo seria bem diferente do qual vivemos.

Cientistas agora tentam repetir o processo para iniciar outra civilização, mas desta vez em Marte. Um dos maiores desafios de colonizar o planeta vermelho é justamente a produção de alimentos. É a isso que se dedica o biólogo Wieger Wamelink, da Wageningen Universidade e Pesquisa (Países Baixos).

Utilizando um simulacro do solo marciano retirado pela Nasa de um vulcão havaiano, ele passou a tentar produzir rúcula em estufas semelhantes às que seriam construídas no planeta estrangeiro. No solo, foram adicionadas fezes, urina de porco e minhocas adultas.

 

“O esterco estimulou o crescimento, e vimos que as minhocas estavam ativas”, contou Wamelink ao divulgar a pesquisa. “Entretanto, a melhor surpresa veio no final da experiência, quando encontramos duas jovens minhocas no simulador de solo marciano.” Ou seja, elas fizeram filhos.

O papel das minhocas é simples, porém, fundamental. Elas comem matéria orgânica e defecam o húmus, um fertilizante natural extremamente eficiente, rico em nutrientes fundamentais para o crescimento vegetal, como nitrogênio, fósforo e potássio.

Elas também cavam túneis na terra, o que permite a entrada de ar e água no solo, um dos principais empecilhos para o cultivo em solo marciano. “A aplicação das minhocas já resolve esse problema”, disse Wamelink.

Apesar do ânimo com a reprodução, ainda falta um longo caminho para percorrer antes de conseguirmos sonhar em cultivar comida orgânica em Marte. A rúcula cresceu um pouco, mas não durou muito.

Até agora, somente o espinafre sobreviveu na simulação de Marte. No entanto, o pesquisador acredita que será possível cultivar feijão verde, ervilhas, rabanete, tomate, batata, rúcula e cenoura em solo extraterrestre.

(via Science Daily)

 

Você também deve apreciar: