Ursos polares podem desaparecer em 80 anos por causa de mudanças climáticas
loading...

Ursos polares podem desaparecer em 80 anos por causa de mudanças climáticas

Um estudo publicado na revista científica “Nature Climate Change” é taxativo: os ursos polares podem entrar em extinção até 2100 caso o ritmo das mudanças climáticas continuem no atual patamar. Os animais costumam se alimentar capturando presas através de buracos feitos em blocos de gelo. Caso o derretimento das calotas siga avançando no atual ritmo, isso será cada vez mais difícil.

– Tudo o que sabemos sobre o urso polar faminto que desesperou a internet

 

Os ursos polares correm risco de extinção até 2100 por conta do aquecimento global.

Pesquisadores conseguiram calcular os limites de resistência da espécie. Eles estimaram quantos dias os ursos conseguem ficar sem comer a partir de uma análise do comportamento de temperaturas da Terra. “Nós percebemos que primeiro nós vamos perder os filhotes. Eles irão nascer, mas as mães não terão gordura corporal o suficiente para produzir leite e alimentá-los durante as estações de degelo”, explica o Steven Amstrup, cientista chefe da Polar Bears International que participou do estudo, à “BBC”.

Apesar da data prevista ser somente daqui a 80 anos, algumas regiões do Ártico já enfrentam situações de escassez de gelo. Segundo o cientista, a perspectiva atual não é boa, mas ainda há tempo de salvar os ursos polares se a sociedade agir rapidamente. Se nada mudar, é provável que, em 2100, só nos restem poucos exemplares da espécie mais ao norte. – Há tanto CO2 na atmosfera que plantar árvores já não pode nos salvar

Como se sabe, o efeito estufa é intensificado pelas intensas emissões de gases na atmosfera. Com o aumento da temperatura na Terra, o gelo do Oceano Ártico diminui a cada dia, o que torna a vida dos animais mais difícil, uma vez que eles precisam caminhar longas distâncias para encontrar comida. – Relatório da ONU reafirma que consumo de carne ajuda no aquecimento globalAtualmente, os ursos polares estão na lista de animais que correm risco de extinção pela União Internacional para Conservação da Natureza (IUCN).

Você também deve apreciar:

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *